6ª Edição

Inoculante de Milho

É com a fertilização que as plantas conseguem absorver os principais nutrientes para o seu desenvolvimento. Um tipo de fertilização que tem chamando a atenção pelo baixo custo e eficiência é a inoculação de sementes de milho com Azospirillum Brasilense, que podem aumentar a produtividade do milho safrinha em até 50%, além de reduzir o custo de produção em 20%.
Seu principal benefício é a economia de nitrogênio que o inoculante pode oferecer, já que o milho exige grande quantidade deste elemento químico.
Segundo Itacir Eloi Sandini, professor da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro), uma das tecnologias mais baratas na cultura do milho é a inoculação.
Fonte:http://www.diadecampo.com.br

O Produto

É um inoculante que contém alta concentração de bactérias fixadoras de nitrogênio destinadas a cultura do milho.
O produto é formulado com soluções estabilizantes, proporcionando alta aderência do produto nas sementes.
A inoculação pode ser feita via semente ou no sulco de plantio. A inoculação no sulco de plantio deve ser realizada com equipamentos de pulverização recomendado para este fim, de forma que a inoculação seja simultânea com o plantio do milho.

Dosagem

– Via Semente: 150 ml/20 kg de semente;
– Via Sulco de Semeadura: 900 ml/ha.
Dobrar a dose para áreas de primeiro ano de cultivo.

Vantagens

– Maior desenvolvimento radicular;
– Melhor performance da lavoura;
– Aporte de Nitrogênio durante todo o ciclo.

rodape

Anteriores
5° Gincana Do Milho – Regulamento
Cartão Safra BASF
35ª Edição
3ª Gincana do Milho
34ª Edição
33ª Edição
32ª Edição
31ª Edição
30ª Edição
29ª Edição
28ª Edição
27ª Edição
26ª Edição
25ª Edição
24ª Edição
23ª Edição
22ª Edição
21ª Edição
20ª Edição
18ª Edição
2ª Gincana do Milho
17ª Edição
16ª Edição
15ª Edição
14ª Edição
13ª Edição
12ª Edição
11ª Edição
10ª Edição
9ª Edição
8ª Edição
7ª Edição
6ª Edição
5ª Edição
4ª Edição
3ª Edição
2ª Edição
1ª Edição
Home | Empresa | Fornecedores | Links | Eventos | Fertnews | Contatos